O medo pega-se a nós…Ontem Londres…hoje onde será?

londresOntem Londres…hoje onde será?

Fui deixar a mais pequena à escola, numa cidade de interior, onde vivo. Quando regressava ao carro, vejo um carro quase colado ao meu, despropositado, ali onde havia tanto sitio para estacionar. Olho lá para dentro e vejo um Homem, ou melhor um rapaz na casa dos 30, sozinho e sem crianças, quieto, a olhar em frente.

Olhei e o meu cerebro reagiu, fiz imensas perguntas a mim própria à velocidade a que os cerebros funcionam: “estranho…”, “sozinho”, “colado ao meu carro”, “onde estão as crianças”, “e aquele ar estranho”, “à porta de uma escola”, pior…”à porta da escola da minha filha”…

Já ao volante do meu carro, o coração palpitou, acelerou e….se fosse um maluco que de repente quer ajustar contas com alguém? uma ex-mulher? uma ex-professora? e….se for um terrorista?…..

Depois respirei fundo….estava a parvar, estava condicionada pelo que aconteceu ontem em Londres. Sim em Londres pessoas que faziam desporto, se dirigiam aos seus trabalhos, que tiravam fotografias ou que faziam turismo, foram violentadas por um louco que espalhou o medo. E este medo é terrível, porque se pega a nós como gelatina…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s